Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

riscos_e_rabiscos

.

.

Sinfonia Dominical

                               

Se ouvirem algo a ranger perto de vocês, não fujam. Não, não é nenhum fantasma, nem o Frankenstein ou o robocop, um cyborg ou o tinman com falta de óleo na latoaria.

 

E nem é nenhum maluco a querer praticar malajacking, peoplejacking ou gestos menos próprios na vossa retaguarda.

 

É apenas uma pobre Pessoinha com a rangideira habitual E não, ainda não me estou a desintegrar. Desiludam-se os fãs que queriam ficar com um pedacinho meu. Ainda não é desta que ganham uns trocos à minha conta no ebay ou no Miau.

 

Hoje tem sido um show. O meu irmão chia para um lado e eu, ranjo para o outro. Ele porque tomou a medicação para a asma mas continua a chiar e eu porque pareço uma “porta enferrujada” (como diz o N., vejam lá!) até levar com o spray anti-histamínico no meu nariz de princesa, epíteto recentemente atribuído ao meu apetrecho farejador).

 

O que as minhas fossas nasais querem, sei eu! Estão a precisar ser inundadas, afogadas e acariciadas até mais não com água do mar. Acabava-se logo com a poluição sonora proveniente do meu inside.

 

Agora até os olhos, fartinhos de ouvir tanta barulheira…! Tal não é a moenga, hein?!

 

P.S. 1) Há lá coisa melhor do que termos um cão a olhar para nós, embevecidamente, e a dar-nos beijinhos enquanto escrevemos um texto estendidas na cama?

2) E se for um cão de 30 kg deitado nas vossas costas a roer um brinquedo porque quer brincadeira?